quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

..

Fazia algum tempo que eu não escrevia aqui no blog, então hoje resolvi dar uma atualizada.

Bom, algumas coisas mudaram desde a minha ultima atualização e uma delas é o fato de eu ter virado professor em uma escola infantil. Quem diria que eu conseguiria ser professor, mas enfim, mesmo com a falta de experiência no assunto eu realmente acho que não me sai tão mal, é fato que eu ainda tenho muito o que aprender mas no geral sinto que não me sai tão mal.

Antes dessa minha mudança para professor eu estava passando o tempo lendo alguns livros sobre a relacionamentos e sobre como pode funcionar o ser humano, muitas pessoas definem como livro de auto-ajuda, e acho que essa seria a melhor definição para o tipo de livro. Mas uma das coisas que eu li em algum desses livros é sobre o fato de o ser humano ser um bicho de hábitos, no começo eu meio que estranhei essa definição mas continuei a ler e pude entender e até concordar, o homem cresce e se desenvolve através de seus hábitos, nós aprendemos a partir de nossos erros ou acertos, bom isso todo mundo já sabe e realmente não é nada de novo eu dizer isso por aqui, mas o que chamou a atenção foi o exemplo que ele usou e que me fez pensar que as situações sempre vão existir e tem toda a questão de como se enxerga as coisas que estão acontecendo e qual a sua decisão para com o que aconteceu.
A maioria das pessoas por exemplo um dia vai ser traído(a) e questão toda seria qual decisão tomar após isso, a maioria das pessoas generaliza tudo e pensa : “ela fez isso comigo, todos são safados, ninguem presta” ou então “fizeram isso comigo eu vou fazer com fulano” e é esse tipo de decisão que mostra realmente o que é que será o futuro para quando essa pessoa tiver um relacionamento de novo.

Agora pensando como professor dos meus queridos alunos eu comecei a refletir que eles são um pote vazio esperando essas situações acontecerem para poder tomar as suas decisões e forma a sua personalidade e o que será do seu futuro, pessoas adultas ou mais velhas na verdade são potes que já passaram varias vezes por diferentes situações que podem ser semelhantes em sua maioria das vezes e que tomam a sua decisão a partir de então. E que com toda essa experiência quando se vê pessoas mais jovens tenta mostrar isso para essa pessoa. Já perceberam que quando damos conselho normalmente queremos que a pessoa tome um caminho que gostaríamos de ter tomado em algum momento de nossa vida mas que por algum motivo que no momento a maioria de nós não lembra ??

Eu queria melhorar os meus textos, estou perdendo a capacidade de escrever, eu já não escrevia muito bem, mas agora toda a vez que eu venho escrever de novo por aqui, parece que consigo menos ainda passar o que está em minha cabeça para o texto.

Bom esse texto que eu escrevi ai.. faz alguns dias que está ai e eu não havia postado por puro esquecimento mesmo.
Agora está ai para o pessoal dar uma lida, eu não tive vontade de reler pois para mim o momento que eu escrevi o texto é um momento único e carregado de sentimentos do momento em que eu estava escrevendo e que as vezes não faz muito sentido depois que esse momento já passou.

Bom, afastando um pouco do tema acima, verei se consigo escrever mais coisas pois estou precisando exercitar a minha escrita e colocar pensamentos para fora.
Se alguém quiser comentar sobre algum assunto que sobre o qual eu possa escrever alguma coisa é só colocar como comentário.

Valeu... pra quem chegue a ler o meu blog,... ficarei feliz ao ver um comentário novo por ai =)

4 comentários:

Camila Campos disse...

Oi! Gostei do seu texto! Tb sou professora, embora não atue na área.
E continue com seu blog! atualize-o sempre q possível! É ótimo para expandir as idéias e aflorar a criatividade inata! Escrever faz muito bem! E uma dica, concentre-se e reflita bem sobre o assunto que deseja postar, dái é só se entregar a escrita e deixar as palavrinhas fluirem...

Gde abraço, sucesso!

Camila Campos disse...

Oie!!!

Tenho uma surpresa para você lá no meu blog... Espero que goste!
www.sobresentimento.blogspot.com

Abraço, até mais!

£una Pla+ha disse...

Lindo Blog, vou acompanhar.

Bruno Cavalcanti disse...

Helber, tudo bom? Pois então, não parei ainda para ver o seu blog completo, mas o pouco que vi gostei. Vim aqui em resposta ao comentário que fizeste no meu blog. Sim, eu sei exatamente do que você está falando, conheço o que rola pelo mundo afora, mas no texto que eu publiquei a idéia era criticar a nossa tão desnecessária adolescência que, como o meu professor de português diz, segue a manada simplesmente abaixando as orelhas. Ridículo! Mas sim, é verdade, há exceções, e ótimas diga-se de passagem, por isso não generalizei!

Obrigado pelo comentário ;)

Abraços.

BC.